Sunday, May 17, 2009

Quebrei...

... no treino.

(crédito da foto: Site http://redsports.sg)
Pela primeira vez, desde que comecei a treinar este ano, caminhei no meio do treino. Tinha planejado fazer um intervalado nos mesmos moldes da semana passada. Depois de fazer um primeiro km em ritmo "normal" (5'30"/km), fiz um segundo km "forte" (4'52"/km). No próximo km forte (4o.), fiz em 5'19"/km, mas senti. E acabei andando uns 250m e voltei a correr, mas mentalmente eu já estava derrotado. Perdi o ritmo e terminei pra completar tabela, me arrastando.

Não sei direito o que aconteceu. Senti um pouco de dor na canela direita mas não caminhei pela dor. Minha respiração estava mal, as pernas pesadas. Pra mim foi um pouco da perda de ritmo de treino (fiquei 2 dias sem treinar) e ter abusado no começo (achei que dava...). (Pós-post: Tb tinha uma ponte que tive que subir e já vi que sou ruim nessa parte. Logo, logo vão inaugurar um pontilhão sobre uma estrada aqui perto de casa e espero poder treinar subidas nesse trecho, ainda que a inclinação seja tímida.)

Pensando um pouco a respeito, acho que foi bom acontecer isso num treino pra entender o aspecto psicológico.

Agora é levantar a cabeça e continuar nos treinos.

3 comments:

G.M. said...

Shigueo,
Acontece com todos.
Comigo até já perdi a conta de quantas quebras tive.
O importante é insistir.
Mas sempre respeitado os próprios limites e obtendo satisfação com o que se faz.
Valeu !
Ass.: Guilherme

Jorge said...

Amigo Shigueo, como disse o amigo Guilherme, isso acontece com todos nós corredores e principalmente com corredores de elite, então fazer o que nessas horas, abaixar a cabeça? desistir? Não, Não e Não...

Lembre-se que nem sempre sai tudo certo como previmos...Vc tem que ver aonde vc errou? Vc mesmo disse que saiu forte, o negócio é vc sair devagar e aumentando a velocidade, outra coisa que vc disse é a dor que vc sentiu, vc tem que ver se o tênis está gasto demais pois isso pode provocar lesão ou também pode ser o tipo de piso que vc está correndo, pois também treinar muito no asfalto pode provocar lesão...Outra coisa que vc não sabe é que o nosso corpo é uma máquina e ele só transmite a nós quando uma coisa não vai bem é através da DOR. Também o meu técnico me disse uma certa vez que se o corredor não estiver bem no dia, que a melhor coisa é não treinar no dia e descansar, ou então descansar na parte da manhã e treine mais tarde...Lembre-se que descanso, também faz parte dos treinos.

Acho que vc também deve treinar a sua mente (o lado psicológico) para quando ocorrer esse tipo de quebra.

Vc me perguntou qual o tipo de música que eu ouço para treinar, eu fiz alguns doawloads de graça
pelo seguinte site www.4shared.com
e copiei de alguns cds que tenho aqui em casa, gosto de músicas eletrônicas, dance e algumas de rock. Abaixo segue algumas delas, são tantas, só sei que ajuda bastante a não deixar cair o ritmo nas corridas:

- Wihs I had an AngelNightwish Once;
- The Trooper - Iron Maiden;
- Children-Rober Dance;
- Dj Tiesto;
- Dj Yasha;
- Hit My Hearth;
- The Concert;
- Izak - Suria;
- Set me free;
- Children of the sun;
- Shine On;
- Turn the Thight;
- Linving on A Prayer Dalimas;
- Set Sidão.

Bom espero ter ajudado, desejo a vc uma boa semana e bons treinos.

Um abraço,

JORGE

augusto verrengia said...

Olha só Shigueo, tem dias, principalmente no começo da semana, que as pernas parecem estar coladas no chão. dói tudo, a frequência vai lá em cima mesmo num ritmo leve. Meu treinador disse que é assim mesmo. Um dia nuca é igual ao outro e muitos fatores colaboram pra isso. 80% é psicológico... e como nossa cabeça manda no corpo, a gente quebra mesmo. Mas força aí amigo!! No próximo treino vc tira de letra!